Arquitetura, Design, Exposição de Arte, Portugal

Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia na orla de Lisboa

As curvas do Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia deram ainda mais charme à uma das nossas cidades preferidas no mundo: Lisboa!

Com projeto do escritório AL_A, da britânica Amanda Levete, o design moderno do MAAT, localizado à margem do rio Tejo, se contrasta com a paisagem histórica de Belém. A sua fachada é composta de azulejos brancos, convidando os visitantes e habitantes a apreciarem o monumento enquanto caminham entre o rio e o museu.

Imagem de Amanda Levete Architects

Imagem de Amanda Levete Architects

Joel Filipe

Joel Filipe

Inaugurado no ano passado, o MAAT tem como finalidade oferecer um espaço de diálogo e discussão entre as três áreas: Artes, Arquitetura e Tecnologia, recebendo exposições nacionais e internacionais ao redor dos temas. A direção do museu está a cargo do ex-curador de arquitetura do MoMa de Nova York, Pedro Gadanho. Segundo ele, o MAAT é um museu único no mundo, uma vez que só ele oferece a intersecção entre essas três disciplinas.

No ano passado, a renomada artista francesa Dominique Gonzales-Foerster foi convidada a realizar uma intervenção especialmente para o MAAT, sobre o tema Utopia/Distopia. A exposição interativa Pynchon Park, inspirada no universo sci-fi, ocupou os mil metros quadrados da Sala Oval do museu.

Pychon Park

Bruno Lopes

Mais de 60 mil pessoas visitaram o loca no dia da inauguração, em outubro do ano passado. A incrível vista para a ponte 25 de Abril pode ser apreciada do terraço do Museu, aberto 24 horas por dia.

 

Para conhecer um pouco mais sobre o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia de Lisboa, assista o vídeo do cineasta Alejandro Villanueva:

Por: Michaella Kato
Standard
Exposição de Arte

Exposição de Frida Kahlo chega ao Instituto Tomie Ohtake em setembro

Mais uma exposição chegando!!
frida1-2
O Instituto Tomie Ohtake divulgou que receberá com exclusividade, em setembro, a exposição “Frida Kahlo e as mulheres surrealistas no México”.
Além dos auto retratos e obras do acervo influente da artista, serão expostos também obras de Maria Izquierdo, Remédios Varo, Lenora Carrington, entre outros artistas mexicanos.

As datas de abertura e de encerramento ainda não foram divulgadas.
Estamos esperando!

Standard
Exposição de Arte, Uncategorized

Mostra “4 Mãos” na Galeria Garage

A mostra “4 Mãos” exibe aquarelas de Rubens Matuck e esculturas em argila de Israel Kislansky, artistas que têm em comum a afinidade pelo processo artístico-pintura e escultura- e a valorização do gesto e das formas tridimensionais nos trabalhos.

 

Rubens Matuck traz 16 obras, entre elas, óleos sobre telas de linho e aquarelas sobre imbuia preparada com bolo armênio (argila colorida que tem nuanças de marrom). Trabalho que vem desenvolvendo há muito tempo, o qual chama de “Memória do Cerrado”.

Uma série de 20 esculturas em cerâmica de alta temperatura compõe o trabalho de Israel Kislansky.

O resultado se concretiza em torsos femininos, alguns esmaltados. Esta série de esculturas faz parte da investigação do artista sobre o movimento e a leveza (do modelo e do escultor), numa sincronia que é perceptível em cada gesto impresso na argila.

Exposição “4 Mãos

De 17 de maio a 26 de junho

Galeria Garage – Rua Miguel Rodrigues, 88 – Vila Madalena

Standard
Especial, Exposição de Arte, Moda, Uncategorized

Sp-Artes chega a sua 11ª edição no Pavilhão da Bienal

A Sp-Artes chega a sua 11ª edição, que será aberta ao público amanhã, dia 9 de abril, e fica até domingo no Pavilhão da Bienal, ocupando seus três andares! São quatro dias no Pavilhão, mas a programação continuará em galerias espalhadas pela cidade.  O evento conta com a participação de 141 galerias de 17 países, entre elas 83 brasileiras e esse ano conta com uma série de novidades.

SP-ARTE_0825-624x352

Um balanço parcial da feira em 2014 mostra que seu faturamento aumentou quase 60% de um ano para outro, passando de R$ 99 milhões para R$ 157 milhões. Isso mostra que o mercado da arte se mantém forte, mesmo com a crise no Brasil e no mundo.

Uma das principais novidades é a ocupação do terceiro andar com o novo setor Open Plan.

sparte2015-cat-galerias-nararoesler-OP-crop-624x350

A mostra é parte da programação de eventos curados e está a cargo de Jacopo Crivelli Visconti. A seção apresentará esculturas, instalações e site-specific de artistas de renome, brasileiros e internacionais. Entre as obras que voltam para o pavilhão estão a “Residência – escada”, de Rochelle Costi, apresentada na 30ª Bienal, em 2012, e “How to construct an orange?”, de Attila Csörgõ, apresentada na 22ª Bienal, em 1994. Para o uso do espaço, Visconti optou por trabalhos de dimensões grandes e equilíbrio entre artistas mais e menos conhecidos e por obras inéditas e reconhecidas.

sp-arte-programacao-como-chegar-bienal-ibirapuera-attila-csorgo

A performance vem ganhando visibilidade no país com a exposição da artista Marina Abramović no SESC Pompéia e agora ganha destaque também com a SP-Arte, que nessa edição terá um novo espaço dedicado à modalidade. A performance faz parte da programação desde 2007, mas nunca teve uma área própria.

Além disso, a programação conta com um ciclo de debates sobre o valor da arte e as tendências.

O “Talks – Arte Como Valor” acontece no Museu de Arte Moderna (MAM), nos dias 9 e 10 de abril (quinta e sexta-feira), durante o período da feira. Carolyn Christov-Bakargiev, eleita a mais poderosa do mundo da arte em 2012 pela revista inglesa “Art Review” e que assina a curadoria-geral da 14ª Bienal de Istambul, que acontece no segundo semestre na Turquia, é um dos destaques da programação. A escritora e socióloga da arte Sarah Thornton (“The New Yorker”, “Artforum”, “The Guardian”, “The Economist”), autora do best-seller “Sete Dias no Mundo da Arte”, lança no dia 9 o livro “O Que É um Artista?”.

Importantes artistas que trabalham em parceria com grifes ou que têm em seu repertório uma relação com a moda também terão seus trabalhos expostos. É o caso de Marina Abramović,  Luciana Britto, Daniel BurenChristian Boltanski, o brasileiro Flávio de Carvalho, Nazareth Pacheco, e Yayoi Kusama.

SP-Arte/2015

09 – 12 de abril, 2015

Pavilhão Ciccillo Matarazzo
[Pavilhão da Bienal]
Parque Ibirapuera, Portão 3
São Paulo, Brasil

Horários
Quinta a Sábado das 13h às 21h
Domingo das 11h às 19h

Bilheteria
R$ 40,00 [inteira]
R$ 20,00 [meia entrada]

Standard
Exposição de Arte, Uncategorized

Picasso chega ao CCBB São Paulo em março

PREPARE-SE !

 02lookout-picasso-blog480

Em março, o CCBB de São Paulo receberá a aguardada exposição “Picasso e a Modernidade Espanhola” que ficará em cartaz até dia 8 de junho de 2015.

Com curadoria de Eugênio Carmona, a mostra traz cerca de 90 obras que evidenciam a influência do artista Pablo Picasso na arte moderna da Espanha, seu país natal, fazendo referência ao percurso de Picasso como artista e como mito, até chegar à realização de Guernica, uma de suas principais obras. Sua relação com mestres da arte moderna espanhola, como Gris, Miró, Dalí, Domínguez e Tàpies, também será evidenciada, por meio da presença de pinturas de seus “colegas de trabalho” na exposição.

DE00050_0

 

Centro Cultural Banco do Brasil CCBB

De 25/03 a 8/06

Segunda a Domingo, exceto terça feira.

Das 9h às 21h

Entrada Gratuita

Standard
Especial, Exposição de Arte

Museu da Casa Brasileira abre para visita noturnas

Com o objetivo de chamar mais pessoas para visitar exposições, o Museu da Casa Brasileira ficará com suas portas abertas das 18h às 22h hoje e no dia 18 de março.

É uma boa oportunidade para conferir as exposições que acontecem no MCB, como “Sobrevivências: Carandiru”, “Móvel Moderno no Brasil: seleção do acervo do MC”, “Jovens Designers”, “Coleção MCB” e “A Casa e a Cidade – Coleção Crespi-Prado”.

MCB

Museu da Casa Brasileira

Av. Brigadeiro Faria Lima, 2705

 

 

Standard
Exposição de Arte, França, Moda, Música, Uncategorized

Le Maroc Contemporain em Paris

A exposição em Paris, Le Maroc Contemporain: un événement d’exception pour un pays d’exception, foi prorrogada até o dia 1º de março!
LeMarocContemporain
A mostra oferece uma viagem incrível a um Marrocos atual, através do cinema, literatura, artes plásticas, arquitetura, moda, design, entre outras.
A tenda La Tente Sahraouie é um dos pontos altos da exposição, tem 500 m2 e é desenhada pelo arquiteto Tarik Oualalou.
A mostra fica localizada às margens do Rio Sena, no Instituto do Mundo Árabe, e ocupa seus 2.500 m2!
L’Institut du Monde Arabe
Rue des Fossés Saint-Bernard, 75005 Paris, França
Standard